3 de junho de 2011

Resenha: Fazendo Meu Filme 3 - Paula Pimenta

Editora: Gutenberg

"Um turbilhão de sentimentos e emoções. Assim podemos definir o terceiro volume de Fazendo meu filme. No mais intenso livro da consagrada série, Fani, agora com dezoito anos, volta da terra da rainha mais segura, mais madura, e logo se dá conta de que já não é mais a mesma menina que viajou para a Inglaterra, cheia de anseios e temores. Agora, as expectativas estão voltadas para o vestibular e o tão sonhado namoro com Leo. Mas, como em um bom filme, sua vida é cheia de surpresas, alegrias, decepções e conflitos. Estefânia Castelino Belluz terá de fazer escolhas difíceis e corajosas. Seja em confusões no namoro, nas dúvidas do vestibular, nas relações com a família ou com as amigas, Fani passa por várias novas experiências e continua a fazer o seu filme, por caminhos às vezes cheios de romance e felicidade, às vezes duros e nebulosos. A envolvente série, que já conquistou milhares de leitores e leitoras em todo o Brasil, promete, neste terceiro livro, muito mais emoções. E o comovente filme de Fani continua a ser escrito..."


Nunca pensei que esse fosse conseguir alcançar a maravilha dos dois primeiros. Surpreendi-me ao perceber que é até melhor! Fani mais madura tem que encarar os desafios da vida.
Acho que nunca deixei um livro abalar tanto minhas emoções quanto este. Acabei de ler o livro e ainda estou meio em choque com o que aconteceu. Eu me apaixonei durante a leitura – desculpa Fani, mas o Leo é um fofo – tive raiva ao mesmo tempo – ciúmes não funciona comigo – e torci muito para que a Fani conseguisse tudo o que ela queria, ou merecia. Mas, como ela diz a vida não é um filme e às vezes, as coisas não acontecem como a gente quer. E enquanto ela tentava evitar ao máximo seu passado na Inglaterra, ela aprendeu algo que eu já tinha aprendido um tempo atrás. Não importa quanto você tente o passado sempre acha um jeito de fazer uma visitinha. Surpreendi-me mais uma vez com as amigas de Fani – Gabi, Natalia e Priscila – gostei que a Paula Pimenta mostrou que os amigos não são perfeitos e todos tem seu defeito. O que eu mais gostei do livro... O final, o mesmo final que me fez chorar, contudo, é um final real e é isso o que eu mais gostei no livro. A realidade. A vida não é um filme, e as vezes, temos que aprender a viver com as montanhas que aparecem no nosso caminho.

2 comentários:

  1. Fazendo meu filme, Paula Pimenta <3
    eu sou muito suspeito pra falar desse livro, ou melhor dessa série. Sou apaixonado por tudo que a envolve. E o FMF3 é onde quase tudo se resolve então, é uns dos que eu mais gosto.
    tudo por um livro - http://issotudoporumlivro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Amei o terceiro livro também. É extremamente envolvente e a Paula sabe como escolher palavras que dão vida ao livro. Adorei!

    ResponderExcluir