21 de setembro de 2011

Resenha: Numbers, tempo de fuga - Rachel Ward

Editora: iD


Sempre que Jem conhece alguém novo, não importa quem, logo que ela olha em seus olhos, um número aparece em sua cabeça. Esse número é uma data: a data em que essa pessoa vai morrer. Sobrecarregada com tal consciência terrível, Jem evita relacionamentos. Até que ela conhece Spider, outro estranho, e ganha uma chance. Mas, enquanto eles estão esperando para embarcar no Eye Ferris Wheel, uma roda gigante, Jem percebe que todas as pessoas da fila possuem o mesmo número. A data de hoje. Terroristas vão atacar Londres. O mundo de Jem está prestes a explodir!
Eu comprei esse livro por impulso. Já tinha visto a capa e a sinopse, mas não necessariamente iria comprar. Quando comprei, me apaixonei mais e mais pela capa e pela diagramação interna do livro. A iD está de parabéns.
A história é muito boa também. Jem é uma menina antissocial que não gosta muito de pessoas e é muito durona. E assim convivemos com ela durante boa parte do livro, porém, ninguém é durona para sempre e conforme os acontecimentos vão ficando cada vez piores pro lado dela, seu lado sentimental começa a vir a tona.
Uma coisa que torna a leitura um pouco chata é a incrível repetição da palavra “cara”. Tem em praticamente em todos os diálogos entre a Jem e o Spider. Todos. Não sei se no texto original em inglês é mais diversificado ou se é repetitivo mesmo, mas fica irritante depois de certo ponto.
Deixando esse detalhe de lado, depois de um tempo a história te prende de um modo incrível e é impossível parar de ler. Eu ficava querendo saber o que vai acontecer, o que vai acontecer e tudo mais. E de uma forma ou outra, o livro é previsível, mas eu fiquei bolando maneiras com que não acontecesse o que já sabemos que acontece. Confusos? Se eu falar mais estarei dando spoilers.
E pensamos como a Jem se sente também, sabendo a data que as pessoas ao seu redor vão morrer. E de uma forma ou outra, consegui entender o porquê dela ser tão durona e fechada.
Eu recomendo o livro, não é um must read, mas é um ótimo livro.

2 comentários:

  1. Legal, já vi esse livro por aí uma vez, e tenho curiosidade de ler também! Essa coisa das datas, por si só, me deixa curiosa.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Oi Gabi!
    Sua resenha me deixou curiosa! Acho que vou ler :)
    Tenho que confessar, a capa também me conquistou, assim como a sinopse. A iD faz livros lindos não é mesmo?!

    Beijos
    Adriana - Mundo da Leitura

    ResponderExcluir