7 de novembro de 2011

Resenha: Crepúsculo - Stephenie Meyer

Eu devo ter relido esse livro umas oito vezes, já até perdi a conta. Resolvi que leria a coleção toda novamente para assistir o Amanhecer no cinema (18 de novembro).

Vamos começar pelo básico, eu gosto da série. Quando eu li pela primeira vez, dois anos atrás, estava naquela euforia de fã que só quem já passou entende, e de uns tempos para cá eu comecei a tranquilizar mais e reavaliar algumas coisas.

A história todos já devem conhecer, Bella se muda para Forks para morar com seu pai. Lá, ela conhece Edward Cullen, que parece esconder um grande segredo. Ela se apaixona por ele, e então sua vida começa a mudar.

Eu adoro esse livro. Eu gosto mesmo, não teria lido ele mais de sete vezes se não tivesse gostado. Enfim, a história é linda e é bem escrito. A leitura corre com uma leveza e uma tranquilidade bem grande. Os personagens são bem criados, todos tem um papel na história, sejam os vampiros ou os humanos.

E chega a hora que eu me sinto com a obrigação de comentar algo, essa série tem aquele sentimento de ódio por algumas pessoas, que só de dizer que eu gosto de Crepúsculo, às vezes já olham torto. O que eu acho, e sempre achei, é que as pessoas precisam parar de comparar Crepúsculo com, por exemplo, Harry Potter. São histórias com temáticas muito diferentes, são tipos de escrita diferente. É impossível comparar uma história de aventura, com uma história de amor. E é isso que Crepúsculo é, uma história de amor.

E junto com essa história de amor, conhecemos Edward Cullen. A Bella tem sorte, mesmo sendo um vampiro, ele é um cavalheiro. Desde a primeira vez que li uso esse adjetivo para falar sobre ele, um cavalheiro. Eu tenho uma paixonite por ele, confesso. Ele é muito sarcástico, e ele eu acho ele muito mais agradável no livro. Mas ele tem aquele jeito misterioso, sombrio que encanta qualquer uma.  Outra característica dele é o ciúme... Ele é muito ciumento também.

As cenas que ele tem ciúmes seja do Mike, do Eric, do Tyler (epilogo!!) ou do Jacob são as minhas favoritas. Mostra o lado humano dele, mostra que Edward apesar de ser tudo o que é e não ter motivos para ciúmes, ele sente.

A Bella é uma personagem normal. Ela é uma humana normal. Sem nada demais, por isso acho que é tão difícil para ela entender o motivo do Edward gostar tanto dela, ela é comum, com uma beleza comum, porque um vampiro maravilhoso como ela iria querer ficar com ela? Mas ela é corajosa, ela tem uma grande paixão por todos aqueles que a cercam. Ela está sempre pensando nos outros. Sempre.

Finalizando, o livro é muito bom. Se apenas viu o filme, não deixei de ler, porque é muito melhor. Não julgue o livro pelo filme. Apesar de que Crepúsculo é, até agora, o filme mais fiel ao livro. Muitas falas são as mesmas. E é um dos melhores filmes da série em minha opinião.

7 comentários:

  1. Oi Gabi!
    Adorei a resenha! :)
    Bom, o que eu mais gostei foi o Lua Nova, pela carga dramática dele, e um pouco de Eclipse pelas histórias antigas, que me atrairam.
    No Crepúsculo gostei muito de quando ela descobre e questiona a real natureza do Edward... enfim! Mas ainda fico com o Lua Nova! Rrsrs :)
    Bjs!

    ResponderExcluir
  2. Lucas: Nossa, o que eu menos gostei foi Lua Nova rsrs, meu preferido é Crepúsculo mesmo.

    Gabi

    ResponderExcluir
  3. Oi Gabi!

    Da série eu só li mais de uma vez Crepúsculo e Eclipse, os que mais gosto. Concordo plenamente, não tem comparação entre as séries, eu adoro as duas, fora que é triste essa birra/intolerância né? cada um tem o seu gosto.

    Bjus

    ResponderExcluir
  4. Cláudia: Demais, são duas séries totalmente diferentes... Não podem ser comparadas

    Gabi

    ResponderExcluir
  5. Ai gabi, não acredito. Escrevi um comentário enorme aqui e ele simplesmente apagou-se. Estou revoltada. Hmpf. Então deixa eu ser breve: uhul Team Edward, Bella problemática e chata e Jacob Blé e não Black, uhul! Fim.

    ResponderExcluir
  6. Ni: :(:( Odeioooo quando isso acontece... Adorei teu breve comentário. Concordo, concordo e CONCORDO.

    Gabi

    ResponderExcluir
  7. Eu li os quatro livros da série a dois anos também, e como você estava naquela euforia de fã, depois comecei a reavaliar a história, ainda assim é uma série muito boa. Só acho chato quando algumas pessoas não respeitam o gosto do outro ou ficam comparando com HP, tem meninas na minha escola que só conseguem falar de Crepúsculo, sério, elas falam o tempo inteiro sem parar, e quando alguém tenta mudar de assunto elas simplesmente dão um jeito de voltar a Crepúsculo,e se tão alguém que não gosta, ou que não é mais tão fã quanto eu, são capazes de brigar, isso é chato!!! É claro que elas são super fãs, mas elas poderiam "abrir espaço" para outros livros, ou no minimo respeitar o gosto dos outros como eu respeito o delas, enfim, eu também gosto mais do primeiro livro de Crepúsculo, não pretendo reler tão cedo, mas essa com certeza é uma série que marcou!!

    Rafaela

    girlcliche.blogspot.com

    ResponderExcluir