23 de janeiro de 2012

Resenha: Safe Haven - Nicholas Sparks


Vou começar essa resenha dizendo o seguinte: os livros do Nicholas Sparks deviam vir com lencinhos juntos, porque eu já li seis livros do autor e chorei em todos. Safe Haven não foi diferente.

Eu comprei esse livro em julho, me arrependo de não ter lido antes porque é um ótimo livro, mas para ler Nicholas Sparks, é preciso estar disposta a entrar no clima da história. 

O livro conta a história de Katie, uma mulher misteriosa que se muda para a pequena cidade de Southport. Ela chega de maneira repentina, e as perguntas sobre o seu passado começam a aparecer.

Katie é uma pessoa fechada. Não deixa ninguém se aproximar e não faz amizades com ninguém na cidade. Mas alguns acontecimentos fazem com que ela entre em dois relacionamentos. Um com Alex, o dono do mercado que está sempre a ajudando e outro com Jo, sua vizinha. Mas ainda assim, o segredo sobre o seu passado continua aterrorizando-a.

Katie é uma personagem intrigante, justamente pelo leitor desconhecer até certa parte do livro o segredo que ela esconde e porque ela é tão misteriosa. E depois que descobri, eu passei a gostar ainda mais dela como personagem, justamente por ser uma pessoa forte e corajosa.

É um livro do Nicholas Sparks, então teremos personagens reais vivendo suas vidas reais. E eu simplesmente amo isso. Temos Alex que é, como Jo fala, um ótimo homem. Ele é carinhoso, amável e muito doce. Temos os filhos de Alex, Josh e Kristen que são muito fofos. E temos Jo que aparece para Katie justo quando ela precisava de uma amiga por perto. 



“That’s the thing about life. A lot of the time, it isn’t easy at all. We just try to make the best of it” - Alex

Nesse livro, a narrativa vai mudando. Uma hora sob o ponto de vista da Katie, outra de Alex e temos outro personagem que entra mais para o meio da história também. A narrativa, em nenhum momento, fica chata. Nicholas Sparks tem um dom de tratar as palavras com um cuidado que torna a narrativa maravilhosa.

A história é sem dúvidas, surpreendente. Eu não conseguia soltar o livro, eu simplesmente tinha que saber o que iria acontecer e tinha que terminar o livro. E durante a minha leitura,  eu tentava adivinhar o que iria acontecer e todas as vezes que tentei, imaginei o pior e já fiquei sofrendo com antecedência.

O autor bateu no meu ponto fraco quando escreveu o final com aquelas cartas... Chorei, chorei, chorei, chorei e cada vez que eu me lembro dos últimos capítulos eu sinto vontade de chorar. Apesar de triste, é um final lindo.

Eu só queria que tivesse mais umas páginas no final, não termina de um modo ruim, mas não seria de todo mal poder ter mais uma ou duas páginas de história.

O livro não tem previsão para ser lançado no Brasil, mas se tiverem a oportunidade de lê-lo, leiam. É uma história maravilhosa, escrita de uma maneira maravilhosa.

8 comentários:

  1. Eu só li um livro do Nicholas Sparks, mas estou com "Um Homem de Sorte" aqui.
    Realmente, a narrativa é maravilhosa. O autor escreve de uma maneira super envolvente, que faz com que você leia cada vez mais.
    Infelizmente, em "O Milagre" a personagem me irritou e o livro não foi 100% pra mim. :/

    Mas quero ler mais livros do autor sim!!
    Esse tbm está na lista. o/

    Bjs ;)

    ResponderExcluir
  2. Nossa... Eu não tinha a mínima idéia deste livro ''Safe Haven'' do Nicholas. Tipo, não tinha mesmo! #Poser Rsrsrs

    Até hoje eu só li um livro do Nicholas, que foi ''Querido John'', mas só pelas adaptações dá para perceber que ele gosta de fazer um ''drama'' (no bom sentido! Rsrsrs).

    Como você disse, para ler ele, tem que estar no estado de espírito certo! '')

    Henri B. Neto
    ''Na Minha Estante''

    ResponderExcluir
  3. Para começar, que linda a capa do livro! Verdade, para ler Sparks tem que estar disposto à entrar no clima da história... Mas acho que a gente sempre sai tocado depois de ler, tocado de uma maneira que nos faz querer mudar alguns comportamentos... Não sei. Vontade de aproveitar mais a vida, sabe? Estou louca para ler o livro "novo" (novo para mim, claro) do Sparks que está na minha estante. Esse seu livro me deu saudade de livrarias americanas, onde tudo é um sonho porque é tudo tão barato... E tem absolutamente todos os livros estrangeiros YA que você quer... Precisamos de 1 viagem Gabi. Hahahaha! Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Awnnn, e a minha vontade de ler esse livro do Sparks?
    Não me impressiono quando as pessoas dizem que choram em todos livros dele. Empaquei em A Última Música - não por não gostar, é que estou lendo vários (e tinha esquecido do livro do desafio). - Mas imagino que seja comovente mesmo.
    Olhei essa capa e fiquei pensando "Já tem filme? E eu não sabia...", rsrsrs Mas gostei dessa capa.
    Bjão, Gabi!

    ResponderExcluir
  5. Oi Gabi

    Awn parece maravilhoso, nem sabia nada sobre esse, fiquei curiosa com tanto mistério e o final ... não sei não, o Nicholas faz uns finais tão triste.

    Bjus

    ResponderExcluir
  6. Hmmm, sua resenha me deixou curiosa Gabi!!!
    Awwwwwn, eu AMO Nicholas Sparks e quero muito que este seja lançado por aqui! O único livro dele que eu não curti muito até agora foi O Milagre, mas esse parece ser ótimo, na mesma linha de Querido John e Um Homem de Sorte!!!

    Beijos
    Adriana - Mundo da Leitura

    ResponderExcluir
  7. Anônimo disse...
    Realmente, o novo livro de Nicholas Sparks é execelente. Mas, descobri meio sem querer um novo escritor brasileiro, seu nome é Antonio dos Anjos, comprei seu livro O DOSSIÊ DE UM FIEL, a princípio achei meio bobinho, mas, quando comecei a ler me apaixonei por Jurema (personagem feminino da história) e Padre Dirceu com quem mantém um caso proibido. Nossa, amei este livro. Se tiverem oportunidade adquiram e comprovem. Achei ele no google e no site www.antoniodosanjos.com (clicando em livros a venda) ou www.livropronto.com.br (no ícone buscar autor ou tótulo). Beijos.
    Maria Kaline.

    ResponderExcluir
  8. Já sai ele no Brasil, graças a Deus eu já estou terminando de ler e a capa não essa mas, a capa do livro é linda também o livro chama nada menos do que UM PORTO SEGURO, Estou quase terminando falta cerca de 93 folhas *-*

    ResponderExcluir