16 de outubro de 2012

Resenha: This Lullaby - Sarah Dessen


Depois de ver sua mãe passando por quatro casamentos desastrosos, Remy já não acredita mais no amor. A única memória que ela tem de seu pai, quem ela nunca conheceu, é uma música que ele escreveu para ela quando descobriu do seu nascimento. Chamada This Lullaby.
Remy não se apega a relacionamentos e tem uma regra que diz que ela não pode ficar com músicos. Mas em um piscar de olhos, Dexter aparece na sua vida. Ele é tudo que ela despreza: músico, bagunçado, atrapalhado... Mas começa a ficar difícil para ela seguir as próprias regras.
Sarah Dessen! É muito amor, sério. Eu adoro como os livros dela são verdadeiros. Os personagens são tão honestos e tão reais, que acabam sendo personagens incríveis.
Eu adoro ler livros com bandas e músicos envolvidos, então adorei já de primeira o Dexter. Ele e Remy tem famílias parecidas, com pais com problemas nos casamentos e que já passaram por vários casamentos. Mas enquanto isso fez Remy parar de acreditar no amor, Dexter ainda acredita. E ele acaba sendo o que ela precisa para se sentir completa.
Como sempre, temos a história em segundo plano. Os livros da Sarah Dessen são sempre assim, e é uma característica que eu gosto bastante. Temos a história das amigas da Remy, do seu irmão e da sua mãe. Isso torna o livro e a história, completos.
Foi uma ótima leitura e This Lullaby acabou se tornando um dos meus favoritos da autora. Adorei Remy, Dexter e adorei os dois juntos. Esse livro possuí vários elementos que eu adoro, e a autora juntou tudo de uma maneira que tornava quase impossível eu não gostar.
“Some things don’t last for ever, but some things do”
Fala sobre como o amor é algo complicado. Porque pulamos nele sabendo que existe chance de sairmos machucados, mas que precisamos pular mesmo assim.

10 comentários:

  1. gosto muito dos livros da sarah o único que li e não gostei muito foi "o que aconteceu com o adeus"

    ResponderExcluir
  2. Ainda não li nenhum livro da Sarah Dessen, mas tenho muita curiosidade de ler! Adorei a resenha esse livro parece ser muito bom. (:


    Beijo;*
    Naty.

    ResponderExcluir
  3. Você a essa Dessen! Já falei que virou leitura obrigatória para mim, né? Achei fofo, o fato do título combinar com a história em diferentes aspectos (pai, Dexter...), enfim, fofo!

    ResponderExcluir
  4. Oii, Gabi! Tudo bem?
    O Critiquinha ficou parado por um tempo, mas estou voltando com ele. Voltaremos a ter contato. :)
    O blog está lindo!

    Nunca li um livro dela, acredita?
    Mas cada dia que passa, vejo mais resenhas positivas e a vontade só aumenta.
    Adorei a resenha e achei a capa do livro super fofa.

    Beijos ;*

    ResponderExcluir
  5. Eu to MUUUUUUITO in love com Sarah Dessen
    quero muuito esse livro! E parabens pela resenha.
    Ficou oootima!
    Beeijos

    ResponderExcluir
  6. Dessen <3 adorei a história desse, já foi pra lista!

    ResponderExcluir
  7. Esse é o livro da Sarah que eu mais quero ler, acho que foi por que a Remy e o Dexter apareceram em Just Listen, e eu achei eles a coisa mais fofa do mundo.
    Eu terminei de ler um livro dela ontem, e, nossa como é bom. Ela com certeza é uma das minhas autoras favoritas.

    ResponderExcluir
  8. Adorei a resenha e a capa desse livro.

    Nossa tenho visto muito sobre essa autora, mas confesso que não li nada dela ainda. Mas todas as resenhas de livros dela são ótimas.

    Muito bacana. Vou colocar na minha listinha.

    Abraços
    Gabi
    sonhosaventuras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Eu ainda tenho que terminar 'O que aconteceu com o adeus' para decidir se curto ou não a escrita da Sarah. Tal como o Sparks, ela parece seguir uma "fórmula" que funciona bem em todos os seus livros, rs.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. A Sarah é uma fofona, tenho que ler os livros dela!
    Beijão!

    ResponderExcluir